“Se der medo, vá com medo.”
« previous next »
Eu me chamo antônio. Mentira, é Marcos.
“Quanto mais sei, sei que nada sei.”
“E lá estava eu, deitado em uma rede na varanda de minha casa, estava com meu óculos de leitura, pois estava lendo um livro que aparentemente parecia ser muito bom e com uma xícara de café ao lado para acompanhar a leitura. Podia passar horas ali e não me importava com o tempo, pois esse era meu melhor momento, me sentia bem assim. Geralmente não recebo visitas, minha vida sempre foi meio vazia e isso ás vezes me deixa pensativo, mas logo retorno ao meu recanto que me faz sentir bem. Mas nesse dia ouvi alguém bater em minha porta, e então fui ver quem era. Quando abro a porta me deparo com uma linda moça, com olhos grandes e castanhos, seu sorriso era deslumbrante e me deixou espantando. Gaguejei um pouco e perguntei se podia ajudar, logo ela me encheu de perguntas e eu sem saber responder fui apenas enrolando. Tive a iniciativa de convidá-la para tomar café, e para minha surpresa ela aceitou. Conversamos um pouco e descobri que ela havia se mudado a pouco tempo, e não sabia nada da cidade e perguntou se eu não podia apresentá-la para ela. Mas logo eu que não saio de casa, que me isolo de tudo e de todos, irônico. Depois de algumas horas de conversas ela se despediu, disse que estava tarde e deveria ir, seus cabelos balançavam com o vento, e seu cheiro … ah, era algo diferente, estava me sentindo diferente.”
theme + details + details

(Fonte: pinkfled)



Posted Há 3 meses with 3.072 notas · reblog this
originally pinkfled via reciprociar




Posted Há 3 meses with 24.342 notas · reblog this
originally a-n-e-m-o-n-a via sombrios


(Fonte: cambaio)



Posted Há 3 meses with 871 notas · reblog this
originally cambaio via offens-e


(Fonte: anarquianasuavida)



Posted Há 3 meses with 1.881 notas · reblog this
originally anarquianasuavida via fetishss


(Fonte: frasespoesiaseafins)



Posted Há 3 meses with 3.370 notas · reblog this
originally frasespoesiaseafins via reciprociar


Eu gosto de você, mas você erra. Erra ao pensar que vou esperar pra sempre, ao pensar que tenho todo tempo do mundo, erra ao pensar que eu não sofro com sua ausência.
Caio Augusto Leite.  (via nevarias)

(Fonte: harmonizar)



Posted Há 3 meses with 24.638 notas · reblog this
originally harmonizar via nevarias


(Fonte: c-h-i-c-l-e-t-e-s)



Posted Há 3 meses with 873.074 notas · reblog this
originally c-h-i-c-l-e-t-e-s via antipoetico




Posted Há 3 meses with 3.288 notas · reblog this
originally sinkling-deactivated20140526 via incorpora


(Fonte: lucajsphotography)



Posted Há 3 meses with 75.658 notas · reblog this
originally lucajsphotography via resigno




Posted Há 3 meses with 6.227 notas · reblog this
originally nadaduraparasempre via aprendizdepoeta


(Fonte: v-imperio)



Posted Há 3 meses with 6.864 notas · reblog this
originally v-imperio via defensor


breathtakingdestinations:

Piha Beach - New Zealand (von blueSkySunHigh)

breathtakingdestinations:

Piha Beach - New Zealand (von blueSkySunHigh)



Posted Há 3 meses with 699 notas · reblog this
originally breathtakingdestinations via y-e-a-h-h-h


breathtakingdestinations:

Asciano - Tuscany - Italy (von Antonio Cinotti )

breathtakingdestinations:

Asciano - Tuscany - Italy (von Antonio Cinotti )



Posted Há 3 meses with 484 notas · reblog this
originally breathtakingdestinations via y-e-a-h-h-h




Posted Há 3 meses with 57.533 notas · reblog this
originally womenofthe-90s via keep-l0sing-my-way


Te ver e não te querer é improvável, é impossível. Te ter e ter que esquecer é insuportável, é dor incrível. É como mergulhar num rio e não se molhar. É como não morrer de frio no gelo polar. É ter o estômago vazio e não almoçar. É ver o céu se abrir no estio e não se animar. É como esperar o prato e não salivar. Sentir apertar o sapato e não descalçar. É ver alguém feliz de fato sem alguém pra amar. É como procurar no mato estrela do mar. É como não sentir calor em Cuiabá, ou como no Arpoador não ver o mar. É como não morrer de raiva com a política. Ignorar que a tarde vai vadia e mítica. É como ver televisão e não dormir, ver um bichano pelo chão e não sorrir. É como não provar o néctar de um lindo amor depois que o coração detecta a mais fina flor.
— Skank.  (via palavrisses)


Posted Há 3 meses with 2.360 notas · reblog this
originally palavrisses via palavrisses